Porque hoje é sábado...


Marlon Brando

"Sofri muita miséria em minha vida por ser famoso e rico"
Marlon Brando



/


Marlon Brando nasceu em 3 de abril de 1924, em Omaha, no Estado americano de Nebraska, filho de um vendedor e de uma atriz que liderava um grupo de teatro local. Anos depois, ele foi mandado para uma academia militar em Minnesota, mas acabou sendo expulso.

/


Brando tornou-se a expressão de uma interpretação verdadeira e realista, que nunca teria existido sem ele. Reconhecido por ser metódico, reescreveu as regras de atuação e, com sua impactante sensualidade, redefiniu a forma do astro de cinema masculino.


/

(FSP, 19/07/90) Brando, Marlon - Brando foi um dos homens mais bonitos do século. Sua beleza está registrada indelevelmente em filmes como Espíritos indômitos, The men, e Uma rua chamada Pecado. A street-car named Desire. Brando tinha movimentos de felino. Ele sempre disse que foi o fato de lhe quebrarem o nariz, numa luta de boxe, entortando-o, que o fez ter um rosto diferente. Waaal, os traços dele são muito bons, os olhos são fundos e, claro, talento não se explica. Queimava o resto do elenco em Espíritos indômitos pelo simples ato de olhar para eles. Em uma rua chamada Pecado, quando o estão gozando por suas maneiras rudes, ele dá com a mão num prato e, já observei várias vezes, apesar de o filme ser em preto e branco, ele fica pálido de raiva. É a extraordinária capacidade de auto-introspecção de Brando e sua capacidade de projetá-la que o tornaram unicamente célebre. Ele não precisava fazer nada, apenas ser em cena.
Paulo Francis


"Sempre penso que se eu não fosse ator teria sido um vigarista e acabado na cadeia. Ou talvez tivesse enlouquecido."


"A profissão mais antiga do mundo não é a prostituição, é a representação. Até os macacos representam."


"Nunca me esforcei para ser um sucesso. Simplesmente aconteceu. Eu apenas tentava sobreviver."


"Passei a maior parte da vida com medo de ser rejeitado, e acabei rejeitando a maioria das pessoas que me ofereceram amor porque não conseguia confiar nelas."


"Eu dou risada das pessoas que dizem que fazer filmes é arte e que os atores são artistas. Artistas foram Rembrandt, Beethoven, Shakespeare e Rodin; os atores são formigas operárias que participam de um negócio e labutam por dinheiro."


"Temos [nos Estados Unidos] uma abundância de coisas materiais, mas uma sociedade bem sucedida deveria produzir pessoas felizes, e acho que nós produzimos mais gente infeliz do que praticamente qualquer outro lugar da terra."


Talvez nem fosse preciso fazer pesquisa e colocar aqui resumidamente o que Brando foi e representou. No caso dele, acredito, bastava uma foto e tudo estaria ali. Irretocável.


2 comentários:

    Ótimo ator e grande personalidade também. Outro dia reassisti Uma Rua Chamada Pecado, clássico, adoro também Apocalypse Now. Ótimo post.

    Beijos.

    na literatura qual seria o equivalente a marlon brando ???
    boa escolha como ator...
    bj, ricardo