Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Para sempre Clarice Lispector...

/

Clarice morreu, no Rio, no dia 9 de dezembro de 1977, um dia antes do seu 57° aniversário. Há trinta anos saia da vida e entrava para eternidade. De hoje até o dia 10/12/2018, esse blog é dela, para ela, por ela, por nós.






//
Quando, em 1944, uma jovem desconhecida, de 17 anos, levou à nossa editora Agir, pouco antes fundada, seu romance inédito, que as grandes editoras se recusavam a publicar, pedi-lhe para lê-lo. Lido, não hesitei. Tinha em meus ouvidos, pela voz interior do livro, e em meus olhos, pela leitura, uma presença diferente. Não apenas uma presença feminina, mas uma expressão humana inteiramente nova, entre os nossos melhores escritores.
/
Era o modernismo remodernizado. Uma nova fase da Revolução de 1922, que dois anos mais tarde, em 1946, Guimarães Rosa ia genialmente confirmar. Era um risco editorial publicar um romance feminino, aparentemente esotérico, como iriam ser mais tarde os de Nélida Piñon, de uma jovem ucrano-brasílica, totalmente desconhecida. Corremos, porém,…

Últimas postagens

Moby Dick

O último tango em Paris - RIP Bertolucci

"Kafka e a boneca viajante"

Salve!

Titanic e uma história curiosa...

Happy national pet day!!

Cazuza 60 anos.

Ronaldo Bôscoli

É Páscoa, mermão!

Eu me chamo Legião...