.
.


É dia de Robert Redford.
Redford nasceu em 18 de agosto de 1937, na Califórnia. Bonito desde sempre, foi na juventude um bad boy, inclusive chegou a ser preso. Nada sério, talvez a revolta de ter perdido a mãe prematuramente, aos 18 anos.

Antes de se tornar ator, Robert viajou muito, foi atleta, chegou a pintar durante a temporada que passou em Paris e Florença. Cansado da vida boêmia, resolve voltar para os EUA onde acaba por conhecer, Lola Van Wagenen, com quem viria a se casar.
Por incentivo dela vai fazer um curso para se tornar cenógrafo de teatro, mas um de seus professores lhe disse que para se tornar um bom cenógrafo teria que fazer um curso de ator. Ele se inscreve na American Academy of Dramatic Art, onde é descoberto por um agente teatral.
No entanto, o reconhecimento mundial só viria muitos anos depois. Robert era avesso ao pensamento que imperava em Hollywood e não queria que fizessem dele mais um galã. Por isso, recusou vários papéis principais preferindo atuar como coadjuvante.




Entre os outros papéis recusados pelo ator está o de protagonista em ''A Primeira Noite de um Homem'', que consagrou Dustin Hofman, e "Quem tem Medo de Virginia Woolf."
Apesar de atuar em vários filmes, somente em ''Butch Cassidy e Sundance Kid'' ao lado de Paul Newman, alcança o estrelato. Tanto foi o sucesso da dupla, que os dois voltariam a contacenar juntos em ''Golpe de Mestre'', filme vencedor do Oscar em 1973. Com o sucesso veio a produtora. A partir daí, Redford passa a produzir seus próprios filmes.

Em 1979, cansado de atuar resolve se tornar diretor e logo na estréia com o filme "Gente como a gente" ganha três Oscars, inclusive de melhor filme e diretor.
Em 1981 o ator criou o Sundance Institute, realizado em Park City, em Utah, nos Estados Unidos. Um festival de cinema independente que atrai filmes do mundo todo e a cada ano tem ganho mais peso como festival.

Muitos filmes depois, separado, noivo de uma alemã de 51 anos, com quem vive há 12 anos, quatro filhos, sendo um já falecido, Robert Redford continua na ativa aos 71 anos e porque não dizer, ainda desperta suspiros por onde quer que passe.

0 comentários: