Ontem fui ver Batman Begins e só posso dizer uma coisa pra começar: esqueça, apague da memória os outros filmes. Batman começa com esse filme literalmente.
Não tem vilões roubando a cena, quem manda no filme por vários motivos é o próprio Batman e isso faz toda a diferença.
Se você esta preocupado com coisas como o uniforme estilo "Power Ranger" dos outros. Não se preocupe, em todas as cenas que Batman surge, a escuridão é soberana, como manda a mitologia. O uniforme preto se adequa perfeitamente às sombras que imperam em Gotham, e os detalhes da vestimenta, pelo sim pelo não, se perdem na penumbra.
Batman sempre foi meu herói predileto por um simples detalhe, não é “super”. Ele não voa, não lança teias, nem tem força para girar a Terra ao contrário. Não, Batman tem hematomas como qualquer um.
Ele não tem superpoderes. Desde a roupa até o cinto de utilidades, tudo no filme tem explicações plausíveis. A bat-roupa contém Kevlar para proteger contra as balas, a capa funciona como um pára-glider quando carregado eletronicamente, o bat-móvel é um carro de verdade -- blindado, com motor turbo que sem dúvida nos dá as melhores e mais reais cenas de perseguição do filme.
Christopher Nolan transforma o Batman em um personagem completamente humano, crível, e não mais um arquétipo qualquer vestindo um uniforme de super-herói. Durante a primeira hora de projeção, você até esquece que está assistindo a um filme de Batman. Muito bem elaborado o modo que é mostrado a infância de Bruce, dando uma personalidade bem definida a seu pai, de forma que isso se torne algo essencial para que o futuro-herói não se tornasse um homem fútil. Muito envolvente a mostra do tempo entre a morte de seus pais até se tornar o tal justiceiro, mostrando seu treinamento no oriente–médio e os "fantasmas" que o circulam. Afinal, Bruce Wayne sempre foi um ser amargurado pela sombra do passado e esse aspecto recebe uma merecida ênfase na produção.
O medo é a força motriz de todo o filme, como define uma frase de Bruce no filme: “Usarei meu próprio medo para provocar medo naqueles que provocam o medo”.

“- Por que você cai? – Para poder se levantar”.
Essa frase dita por seu pai é a essência do filme. Batman cai e isso faz toda a diferença.

Vejam o filme, comprem o cd, leiam o livro, digo o HQ. Vale a pena.

1 comentários:

    Engraçado os lugares pra onde os acasos nos trazem... Sou leitor de quadrinhos há anos e, em tua crônica, tu conseguiste captar exatamente a aura do que foi o Batman begins. Parabéns. Está muito bem escrito.